Banner DeCanter

A classificação de Bordeaux de 1855

A classificação bordalesa mais famosa está relacionada aos vinhos tintos da península de Médoc e aos vinhos doces de Sauternes, tendo sido elaborada por ordem do imperador Napoleão III para os vinhos que participaram da Exposição Universal de Paris, em 1855. Com base em décadas de estatísticas, o Syndicat des Courtiers de Bordeaux categorizou segundo o valor comercial 60 châteaux de Médoc e um de Graves (Château Haut-Brion) de Graves em cinco níveis (de premier cru a cinquième cru, de primeiro a quinto vinhedo). De modo semelhante 26 châteaux de  Sauternes  e Barsac  foram listados como primeiro ou segundo vinhedo, com o Château d’Yquem  destacado como premier cru supérieur. A lista só foi alterada uma vez: em 1973, o Château Mouton-Rothschild passou de segundo para primeiro vinhedo. A classificação ainda é um bom indicador de qualidade, apesar de alguns châteaux merecerem status maior do que outros, o que em geral é representados pelo preço dos vinhos. Fonte: Adega Veja do Vinho – volume 2 – França/Bordeaux

Duas novas AOC para a Borgonha
Descoberta sobre os benefícios do suco de uva concorre a prêmio brasileiro

Category: Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *