Banner DeCanter

Adega José de Sousa abre portas a 22 de Setembro para visitas guiadas gratuitas

A Adega José de Sousa, localizada em Reguengos de Monsaraz, abre portas no dia 22 de setembro, em plena época de vindimas, para visitas guiadas gratuitas. No âmbito do projeto “Adegas de Portas Abertas”, os interessados em visitar a Adega José de Sousa durante este dia têm também incluída uma prova gratuita de 2 vinhos.  

 

Localizada em pleno interior alentejano, a Adega José de Sousa possui duas adegas com estilos muito distintos, mas que combinam na perfeição a tradição com a inovação: na Adega dos Potes estão localizadas 114 ânforas de barro, com um método de fermentação ancestral e raríssimo e na Adega Moderna estão 44 tanques de inox com toda a tecnologia de vinificação indispensável para a produção de vinhos brancos e tintos.

 

As visitas guiadas gratuitas realizam-se às 10h e às 15h, estão limitadas a 40 pessoas por horário e é necessária reserva prévia para [email protected] ou para o 266502729.

 

 

Sobre Adega José de Sousa

A Adega José de Sousa existe desde 1878 e foi adquirida pela José Maria da Fonseca em 1986, de forma a ser concretizado o antigo sonho de produzir vinho no Alentejo, numa propriedade carregada de prestígio e história. Situada em Reguengos de Monsaraz, é aqui que se mantém viva uma tradição iniciada pelos Romanos há mais de 2000 anos. A Adega José de Sousa possui 114 ânforas de barro, onde é realizado um método de fermentação ancestral e raríssimo. Para além da adega tradicional, abaixo do nível do solo, com as ânforas e dois lagares para a pisa, possui também uma adega moderna, com 44 cubas de inox e toda a tecnologia indispensável para a vinificação de tintos e brancos. Na Adega José de Sousa ainda são utilizadas algumas técnicas ancestrais de vinificação, sendo a mais emblemática a utilização da talha na fermentação das uvas. O essencial da vinificação em talha pouco mudou em mais de dois mil anos. Neste processo, as uvas previamente esmagadas a pé são desengaçadas numa mesa de ripanço. Depois, o mosto da uva, as películas e alguma parte do engaço são colocados dentro das talhas de barro, onde a fermentação ocorre espontaneamente. O uso das talhas confere especiarias e uma terceira dimensão ao vinho. Posteriormente, no vinho caso do vinho branco é retirado e colocado numa nova talha e o tinto é retirado da ânfora e estagia parte em tonéis de castanho e parte em talhas. É um processo artesanal e natural, tanto quanto o vinho que dele resulta.

Do portefólio da Adega José de Sousa fazem parte os vinhos: Montado – branco e tinto; Ripanço; José de Sousa, José de Sousa Mayor; J de José de Sousa; Puro Talha – branco e tinto.

A Adega José de Sousa possui ainda uma unidade de Enoturismo, que se encontra aberta de terça-feira a sábado para visitas guiadas, provas de vinhos e vinhos e petiscos.

Para mais informações, por favor, contacte: Gabinete de Imprensa | Global Press Indulge

Isaura Costa de Andrade / E-mail: [email protected]/ Tlm: 927 975 760 | Ana Filipa Lopes / E-mail: [email protected]/ Tlm.: 914 369 706

Av. António Augusto de Aguiar 148 6.º andar / 1050 – 021 Lisboa / www.global-press.com / TEL: 21 394 40 20

Dunas de Ica, no Peru, brilham no vídeo de apresentação dos novos celulares iPhone X, da Apple
José Maria da Fonseca leva a leilão edição limitada e comemorativa do Moscatel Roxo de Setúbal Superior 1918

Category: Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *