Château Labouré-Roi Clos de La Baronne Meursault 2010

Em 1789 o Château Laboure-Roi teve uma área fechada (clos) pelo cavaleiro Burignot Varennes para o casamento de sua flha com o Baron Lostende. Mais tarde, ao tornar-se viúva, os vinicultores passaram a denominar esta área de “Clos de la Baronne”. A exposição solar e as condições especiais deste terroir permitem que as uvas da variedade Chardonnay atinjam maturidade excepcional. O resultado são aromas finos e complexos, e, ao paladar, um vinho aveludado com um sofisticado toque de torrefação. Acompanha pratos finos e delicados como terrine de fígado de aves, peixe assado, frutos do mar e patê de fígado”.

 

Degustação – 

Château Labouré-Roi Clos de La Baronne Meursault 2010 – Álcool: 13% – Região: Meursault/Borgonha – Importador: Carrefour – Preço: R$ 169 – Amarelo com reflexo dourado brilhante. Aromas complexos. Notas de barrica a lembrar coco bem fundidas com reminiscências de fruta tropical madura (lima, ananás) e forte amanteigado.  Untuoso, fresco, quase glicérico, com a confirmação da fruta sinalizada no nariz. Enfim, sempre te convida para o próximo gole. Termina como começou: harmônico e muito saboroso. Meursault é uma das principais apelações da Borgonha que tem a Chardonnay como expoente. No mundo do vinho não pode haver preconceito. Este Chateau Labouré-Roi Clos de La Baronne é um exemplo típico porque foi comprado no Carrefour. Custa a metade do que se paga por um bom Meursault numa importadora. E o principal: vale o preço! Degustado pela terceira vez em um ano, demonstrou consistência. Avaliação: 90-91/100 pts.

(Visited 2 times, 1 visits today)
Vinho Verde Tapada dos Monges Tinto 2012
Royal Tokaji 5 Puttonyos Aszú 2008

Category: Vinho degustado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *