Colecção Privada DSF Roxo Rosé e Verdelho 2018 disponíveis no mercado

Acabam de chegar ao mercado as colheitas de 2018 dos Colecção Privada DSF Roxo Rosé e do DSF Verdelho. Esta gama de vinhos traduz na perfeição o compromisso e o empenho que Domingos Soares Franco impõe nas suas criações –

 

 

Colecção Privada DSF Verdelho é uma representação daquela que foi a experiência pessoal de Domingos Soares Franco no hemisfério sul, tendo em si representadas várias influências australianas. Um vinho floral e frutado, que combina a sua excelente acidez com um final de prova médio.

Colecção Privada DSF Roxo Rosé é um vinho singular, desde logo porque é o único rosé que está presente nesta gama, mas também porque é produzido com recurso a uma casta nobre e muito rara. De recorte fino e com uma exuberância aromática acentuada, este vinho alia um aroma limpo e frutado a uma acidez leve e equilibrada.

Ainda que assine todos os vinhos da José Maria da Fonseca, Domingos Soares Franco escolhe a dedo os vinhos que constituem esta coleção: “Esta Colecção Privada traduz o meu espírito criador, a minha paixão pelos vinhos. Nesta colecção, em cada colheita, tenho total liberdade para decidir que vinhos vou fazer e como os vou fazer”.

 

Sobre Colecção Privada DSF: Domingos Soares Franco, é o representante mais novo da sexta geração da família, que desde a fundação preside aos destinos da José Maria da Fonseca. Para além de vice-presidente, é o enólogo desta casa, e por isso referência incontornável no panorama vitivinícola da região e do país. Embora assine todos os vinhos da José Maria da Fonseca, existem uns que reserva para si como especiais. Traduzem o seu espírito criador, a paixão que sente pela viticultura e enologia, e a influência que tem do Novo Mundo. Chamou-lhes Domingos Soares Franco – Colecção Privada.

Speranza traz novas versões da Margherita no mês da pizza

Category: Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *