Banner DeCanter

Festival Vinho no Boteco reúne wine bars de São Paulo

De 3 e 13 de agosto, sete casas servirão ótimos vinhos a preço de importadora!

Entre os dias 3 e 13 de agosto, acontece em São Paulo a primeira edição do Festival Vinho no Boteco. Neste período, sete bares de vinho paulistanos – Canaille BarDiónysosJamón, JamónOvo e UvaRubi Wine BarSancho Bar y Tapas e Vinum Est – se unem para servir a bebida a preço de importadora, em garrafa ou taça. É a oportunidade de beber ótimos vinhos a preços especiais.

A lista geral inclui rótulos da Argentina, Chile, Espanha, França, Itália e Portugal, mas cada bar escolheu o que servir conforme sua identidade. No Jamón, Jamón por David Lopez, por exemplo, especializado em gastronomia espanhola, estarão disponíveis os tintos Legado Muñoz Garnacha (R$ 57/garrafa; R$ 15/taça) e Artero Tempranillo (R$ 62,90/garrafa; R$ 16/taça), ambos do produtor Bodegas Muñoz, localizado em Toledo, na Espanha.

Já no Ovo e Uva, a lista é bastante extensa e inclui os tintos Amalaya Malbec (R$ 82,10/garrafa; R$ 21/taça), do produtor argentino Colomé e Villa Cardeto Sangiovese, da italiana Cardeto (R$ 66,40/garrafa; R$ 17/taça), o branco De Martino Estate Chardonnay, do Chile (R$ 66,60/garrafa; R$ 17/taça), e o rosé argentino Las Moras Syrah Rosé (R$ 48,90/garrafa; R$ 13/taça) entre mais sete opções.

No Sancho Bar y Tapas são oito opções de tintos, com taças que vão de R$ 15 (Legado Muñoz Garnacha) a R$ 30 (o português Marquês de Montemor by Dorina Lindemann, o mais caro da lista, cuja garrafa sai por R$ 116,40). Vinum Est e Rubi Wine Bar oferecerão tintos. No primeiro, o chileno Terranoble Caménère sai por R$ 50,40/garrafa e R$ 13/taça, por exemplo. E no Rubi são duas opções: La Linda Malbec (R$ 63,70/garrafa; R$ 16/taça) e Artero Tempranillo (R$ 62,90/garrafa; R$ 16/taça).

Recém-aberto, o Diónysos, localizado em Pinheiros, irá oferecer 11 garrafas a preço de importadora, com oito opções de tinto, duas de branco e uma de rosé, o francês Claude Val Rosé (R$ 65,50/garrafa; R$ 17/taça). Já o Canaille oferecerá sete opções, como o tinto francês Arrogant Frog Tutti Frutti (R$ 75,30/garrafa; R$ 19/taça) e o branco La Gascogne D’Alain Brumont Gros Manseng/Sauvignon Blanc (R$ 89,60/garrafa; R$ 23/taça).

“Há muitos bons bares para beber vinhos em São Paulo de um jeito descomplicado e esta é uma oportunidade de o público conhecê-los melhor. O festival surge para democratizar a bebida, que combina tanto com a ideia de compartilhamento”, diz o sommelier João Renato da Silva, do Ovo e Uva, coordenador desta primeira edição do festival.

Dá para conferir o que cada bar irá oferecer, seus endereços e horários de funcionamento consultando o site www.festivalvinhonoboteco.com.br

Festival Vinho no Boteco – De 3 a 13 de agosto em sete bares de São Paulo. www.festivalvinhonoboteco.com.br

https://www.facebook.com/vinhonoboteco/

https://www.instagram.com/vinhonoboteco/

Category: Sem categoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *